No último dia 19 de novembro, a Riachuelo inaugurou uma nova loja modelo com atributos mais sustentáveis, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. A iniciativa é um marco para a varejista que, desde 2015, vem desenvolvendo iniciativas para idealizar lojas cada vez mais sustentáveis, com melhor uso de recursos e insumos renováveis.

A intitulada “Loja do Amanhã” em Jacarepaguá é a 13ª unidade com adoção de forro técnico, que auxilia na redução da reverberação acústica, e uso de tintas à base d’água com menos emissão de poluentes, compostos orgânicos voláteis e com elementos que remetem à biofilia.

“A loja Jacarepaguá nasce junto com o projeto CRIA! movimento da Riachuelo para mais do que ser sustentável, democratizar a sustentabilidade. Ele será responsável por ser o guarda-chuva que envolverá todas as iniciativas da marca dentro do pilar de responsabilidade socioeconômica de toda a cadeia produtiva”, apontou Elio Silva, diretor executivo de Canais e Marketing da Riachuelo.

“Além deste marco, a nova loja é uma evolução do trabalho da companhia iniciado em 2015, com a loja Ipanema. De lá para cá, buscamos um espaço projetado para reduzir ao máximo o impacto no meio ambiente, uma iniciativa que carrega a essência do propósito da marca e faz parte da estratégia de negócio da Riachuelo”, acrescentou.

A loja é focada em garantir uma redução de água, o projeto faz uso de bacias com caixa acoplada e uso de temporizadores nos mictórios e torneiras, que garante 40% a menos de consumo.

Para a iluminação, a Riachuelo fez uso de tecnologia LED que fornece uma redução de até 60% de energia, além de resultar na maior qualidade do ambiente, promove saúde e bem-estar aos colaboradores e clientes. Outro recurso utilizado é o ar-condicionado com volume refrigerante variável e um sistema de alta tecnologia e alta eficiência energética, que faz uso de gás ecológico e pode permitir uma redução no consumo de energia entre 20% e 30% em relação ao sistema de equipamentos convencionais.

Ainda no quesito energia, a loja já nasce com recursos 100% proveniente de fontes renováveis, visando menor impacto ambiental, garantido por meio da aquisição do Mercado Livre de Energia.

Vale ressaltar que, em 2020, 48% do consumo total de energia da Riachuelo foi proveniente de fontes renováveis, por meio da aquisição de energia incentivada no Mercado Livre de Energia. Além disso, a fábrica de Fortaleza também é abastecida com 100% de energia incentivada. e todas as unidades do Grupo Guararapes usam energia contratada, sendo ela proveniente, especialmente, de hidroelétricas, ou incentivada, vinda de Pequenas Centrais Hidroelétricas (PCH), Biomassa, Eólica e Solar.

Mais da metade, cerca de 63% das lojas do Grupo Riachuelo possuem certificações de edificações como o LED Gold na loja Ipanema, inédito para operação de uma varejista; certificação HBC na loja Morumbi e escritório Midway, devido ao foco da marca em criar um espaço que visa a saúde e bem-estar dos colaboradores e clientes que ocupam o espaço da loja; e o certificado “Maintenance Covid-19 Basic” do protocolo Covid em todas.

Os provadores da loja Jacarepaguá são sem gênero com divisórias do pé direito ao chão para garantir privacidade, conceito adotado em todas as lojas inauguradas desde 2019. A iniciativa é alinhada aos valores da empresa em propor cada vez mais iniciativas de Diversidade e Inclusão.

Fonte: Guia Jeans Wear

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *